Anúncio Publicitário

Twin Peaks | 7 curiosidades sobre a série

Anúncio Publicitário

Yasmin Silvério

Anúncio Publicitário
2021-07-28 16:14:50

30 anos atrás, em março de 1990, a ABC lançava Twin Peaks, que inauguraria um novo formato de séries televisivas.

Twin Peaks | 7 Curiosidades Sobre A Série
Twin Peaks | 7 Curiosidades Sobre A Série

O diretor David Lynch e o roteirista Mark Frost prenderam a atenção de telespectadores do mundo inteiro que se desdobraram para descobrir quem matou Laura Palmer, nesse bizarro e surreal drama policial. O site Mentalfloss preparou uma lista contando 16 fatos inusitados sobre a série e você pode conferir algum deles aqui.

1. David Lynch e Mark Frost escreveram um script sobre Marilyn Monroe antes de trabalharem com Twin Peaks

Os criadores David Lynch e Mark Frost se conheceram enquanto trabalhavam na adaptação da biografia de Marilyn Monroe, Goddess, escrita por Anthony Summers. O roteiro foi intitulado Venus Descending e insinuava que os Kennedys foram os verdadeiros responsáveis pela morte de Monroe. O filme nunca foi feito, mas Lynch e Frost conseguiram trabalhar com elementos de Goddess e da vida de Monroe em Twin Peaks. Por exemplo, há uma conexão implícita entra a atriz e a história de Laura Palmer: a rainha do baile loira que tem um caso com um homem poderoso e acaba morta.

2. A princípio, a série deveria se passar na Dakota do Norte e levar o mesmo nome do estado

Twin Peaks se passa em Washington, mas antes de Lynch e Frost se estabelecerem nesta localidade, eles consideraram a cidade de Heartland, em Dakota do Norte. “Estávamos brincando com essa ideia de planície, um lugar longe do mundo. Mas sentimos falta daquela sensação de mistério na floresta e a escuridão que trazia um pouco mais para o oeste”, disse Frost em uma entrevista ao Inside Twin Peaks.

Twin Peaks | 7 Curiosidades Sobre A Série
Twin Peaks | 7 Curiosidades Sobre A Série

LEIA TAMBÉM:

Netflix | Os lançamentos de janeiro

3. A atriz Sheryl Lee deveria fazer somente o papel do cadáver

Sheryl Lee, que interpretou Laura Palmer e sua prima sósia Maddy Ferguson, foi inicialmente contratada somente para a cena na qual seu corpo era encontrado. Lynch explicou que a ideia era escalar uma garota local de Seattle, tingir sua pele de cinza e usá-la apenas para a cena em que o corpo de Laura é lavado na costa. Mas assim que deram a Lee outra cena rápida – um piquenique com Donna (Lara Flynn Boyle) – Lynch ficou impressionado com sua habilidade de atuação e deu a ela um papel regular na série como Maddy.

4. Isabella Rossellini quase pegou o papel de Josie Packer

A protagonista Veludo Azul e até então namorada de Lynch, Isabella Rossellini foi a primeira escolha para a rica viúva Josie Packard. Mas, Em vez disso, o papel foi para Joan Chen, e Josie foi reescrita para se ajustar à formação chinesa de Chen. Rossellini e Lynch se separaram em 1991.

5. Vários personagens tem nomes tirados de filmes noir

Maddy, ou Madeleine, Ferguson, tem o mesmo nome da personagem de Kim Novak no filme Vertigo. Na trama de Hitchcock, a personagem também é uma loira morta com uma doppelgänger morena. Além disso, o sobrenome de Maddy vem do personagem do mesmo filme, Scottie Ferguson.

Twin Peaks | 7 Curiosidades Sobre A Série
Twin Peaks | 7 Curiosidades Sobre A Série

Há também um corretor de seguros em Twin Peaks chamado Walter Neff (personagem em Pacto de Sangue, filme de 1944), um veterinário chamado Dr. Lydecker (personagem no filme Laura, de 1944), um pássaro chamado Waldo (que também aparece em Laura), e um chefe do escritório regional do FBI chamado Gordon Cole (personagem em Crepúsculo dos Deuses, de 1950). O mais interessante é que Gordon Cole, de Twin Peaks, foi interpretado pelo próprio Lynch, que já citou diversas vezes Crepúsculo dos Deuses como um de seus filmes favoritos.

6. Os atores tinham que dizer suas falas de trás para frente na cena da Sala Vermelha

 As sequências de “Sala Vermelha” foram chocantes por vários motivos, mas o que deixou uma impressão forte foi a forma bizarra como todos falavam. Isso não foi feito por meio de um simples truque de distorção. Os atores tiveram que aprender e recitar todas as suas falas de trás para frente. Em seguida, essas falas foram reproduzidas ao contrário, tornando-as “corretas” novamente.

7. O chão da Sala Vermelha é igual ao do filme Eraserhead

Lynch fez referência ao seu próprio trabalho por meio da decoração de interiores na Sala Vermelha. O padrão do piso em zigue-zague espelha aquele visto no saguão do apartamento de Henry em Eraserhead, o filme de terror de 1977 de Lynch. Confira as fotos de comparação aqui.

Comentar

Anúncio Publicitário

Deixe uma resposta

Anúncio Publicitário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anúncio Publicitário
Anúncio Publicitário
Site de cinéfilos independentes para um público independente.

© 2021 Cinemaratona | Todos os direitos reservados | Um Website do Grupo Mediaz | Desenvolvido por Azarod.